Agora pode comprar músicas do CD "Rascunhos" online no website:
http://www.factorq.co.uk

Compre música portuguesa e ajude-nos a manter o www.cantodaterra.net online!
Buy Canto da Terra’s music now !

Procurar: no canal:

 • Personagem: Princesa D. Maria
 

Princesa D. Maria

Filha do infante D. Duarte, filho do rei D. Manuel, e de sua mulher D. Isabel, filha do 4.º duque de Bragança D. Jaime.

N. em Lisboa a 8 de Dezembro de 1538, fal. em Maio de 1577.

Foi baptizada em água vinda do rio Jordão. Era senhora muito erudita e de singulares virtudes, muito versada nas línguas grega e latina, em Filosofia, Matemáticas, em outras ciências, e na lição da sagrada escritura.

Casou com Alexandre Farnésio, 3.º duque de Parma e Plasência, filho do 2.º duque Octávio Farnésio, e de Margarida de Áustria, filha do imperador Carlos V. Saiu de Lisboa para Bruxelas em 14 de Setembro de 1565, numa luzida e poderosa armada, em que a veio buscar o conde de Mansfeld Pedro Ernesto, com sua mulher Maria de Memoranci, seu filho Carlos, e outras pessoas ilustre.

A poucos dias de viagem sobreveio uma furiosa tempestade, que dividiu e pôs em perigo todas as naus, começando uma delas a soçobrar à vista da capitania. Salvando-se milagrosamente desta tempestade, a viagem continuou bonançosa até ao canal de Inglaterra, e pela força dos ventos contrários aportaram a um dos portos.

Chegaram finalmente a Bruxelas depois de outros incidentes, sendo ali recebida a nova duquesa de Parma com as maiores manifestações de regozijo e simpatia, vindo a realizar-se o casamento no dia 30 de Novembro do referido ano de 1565, assistindo toda a nobreza dos estados de Parma e Plasência, o duque Octávio, que viera de Itália de propósito para assistir à cerimónia. Em nome de Filipe II, de Espanha, assistiu D. Diogo de Gusmão e Silva, seu embaixador em Inglaterra.

Celebrou a cerimónia o arcebispo de Cambrai, Maximiliano de Berg. Fizeram-se grandes festas em honra dum neto de Carlos V e duma neta de D. Manuel, rei de Portugal. No tempo em que seu marido andou nas guerras, a duquesa D. Maria governou os estados de Parma e Plasência.

Escreveu um Directorio espiritual cheio de sentenças dos santos padres, que depois da sua morte foi encontrado entre as suas jóias de maior preço.

Escreveu a vida desta infanta o P. Sebastião Morais, da Companhia de Jesus, seu confessor, que depois foi bispo do Japão, a qual se publicou em italiano, Bolonha, 1578, fazendo-se outra edição em Roma, 1602, com o seguinte titulo: Vita e morte dela serenissima Maria di Portogallo, principessa de Parma e Plasencia.

 
 
««« Voltar
 
 

 

© 2003-2011 Canto da Terra - Todos os direitos reservados.
Desenhado para IE 5.x - Resolução mínima: 1024x768.
6583899 páginas visitadas - 165 visitantes ligados
Contacte o programador